23 novembro 2013

palavras que fogem

o rio que já não sabe ser rio.


palavras que fogem como histórias que o mundo esquece e cala.
fomos rio que o silêncio transformou em nuvens.
nós como livro gasto;
letras apagadas. 

a ausência. 
o inverno como as nuvens. 
as nuvens como o rio.
o rio como a palavra que a terra engoliu.